Você sabe qual é a maior causa da calvície no mundo? É a Alopecia Androgenética. Conforme o nome científico já diz, ela se manifesta graças a presença de um gene, que atua por meio de um hormônio, o DHT.

Por agir dentro do organismo, tratamentos com shampoos, cremes, remédios etc podem apenas minimizar e/ou retardar a manifestação desta tendência genética – que é da perda dos fios.

Homens e mulheres procuram todos os tipos de tratamento para reverter este cenário. Você sabe como eles funcionam? Vamos esclarecer alguns deles.

Comprimidos hormonais: mexem diretamente com o organismo, ou seja, os efeitos colaterais podem aparecer. Por isso, é preciso fazer um tratamento com acompanhamento médico.

Finasterida: inibe a atuação das enzimas que produzem o hormônio responsável pela queda de cabelo e reduz a progressão da calvície. Entretanto, assim como os comprimidos, este medicamento também pode trazer efeitos colaterais indesejados.

Dutasterida: outro medicamento que também controla a produção das enzimas. Este ainda controla de três maneiras diferentes, mas quando falamos em feitos colaterais, tem o mesmo risco que os demais.

Antagonistas dos receptores androgênicos: a combinação de três medicamentos – flutamida, espironolactona e acetato de cirpopetona – impede que a testosterona se transforme em DHT, deixando-a exercer suas outras funções. Porém, por ser um coquetel, os efeitos colaterais podem se manifestar de forma ainda mais intensa. Por isso, tenha sempre o acompanhamento do seu médico.

Continue lendo:  [:pb]Calvície Feminina [:]

Minoxidil e cetoconazol: Cremes e shampoos podem causar a impressão de ter fios mais sedosos e podem estimular a absorção de nutrientes para ter um cabelo mais saudável. As enzimas, os hormônios e os genes que são responsáveis pela calvície estão dentro do organismo, ou seja, é muito difícil de retardar o seu trabalho apenas cuidando dos fios.

Transplante capilar: Sem feitos colaterais, o paciente sai da cirurgia e já pode voltar para suas atividades normais do dia-a-dia. Além disso, uma vez os fios transplantados, podem ser feitos quaisquer tipos de corte de cabelo, até mesmo raspar. É recomendado para adultos de todas as idades e para cabelos de todos os tipos.

Tenha seus fios de volta da forma mais saudável possível, cuide dos seus cabelos e também da sua saúde. Saiba mais sobre a Alopecia Androgenética lendo esse artigo também.

Você também pode se interessar por...